Relações transatlânticas

A+ a-
postado em 03/07/2017
O curador suíço Bruno Z’Graggen promove série de encontros sobre a produção contemporânea de vídeo e fotografia no Brasil e em países da Europa e da África

Entre julho e setembro, São Paulo receberá cinco encontros que integram o projeto “Relações transatlânticas”, elaborado pelo curador suíço Bruno Z’Graggen, estudioso de arte contemporânea que propõe uma reflexão sobre a produção contemporânea de vídeo e fotografia no Brasil e em países da Europa e da África. 

Pesquisador da Universidade de Lucerna, Z’Graggen dirige a plataforma Video Window, em Zurique, onde apresenta e discute trabalhos de videoartistas baseados na Suíça, e desde 2002 se dedica ao estudo da fotografia moçambicana.

Os encontros, promovidos em diferentes espaços da capital paulista, consistirão de sessões de filmes acompanhadas de conversa com o público. No primeiro deles, que acontece no dia 5 de julho, às 19h30, na Sala Antonio da Galeria Vermelho, o curador apresenta um panorama da produção contemporânea de vídeo na Suíça. 

No segundo encontro, dia 20 de julho, às 20h, no Galpão VB, será exibido o documentário Sem flash: homenagem a Ricardo Rangel (1924–2009), dirigido por Z’Graggen e Angelo Sansone, que aborda a vida e a obra do pioneiro fotógrafo moçambicano.

Os três encontros seguintes apresentarão uma seleção de vídeos do Acervo Histórico Videobrasil, no qual Z’Graggen atua como pesquisador residente. As exibições dessas obras tornam pública sua análise crítica sobre o Acervo da instituição e buscam relacionar o passado colonial do Brasil e dos países europeus e africanos que o pesquisador aborda.

O projeto “Relações transatlânticas” é uma parceria da Associação Cultural Videobrasil com o Swiss Arts Council Pro Helvetia, dentro do programa de intercâmbio Pro Helvetia na América do Sul 2017–2020, que visa a promover o intercâmbio cultural e iniciar parcerias entre a Suíça e os países da América do Sul.

Sessão 1
Entre realidade e ilusão

5 de julho, quarta, 19h30, na Galeria Vermelho
Duração: 140 min. (com pausa)
Obs.: três dos 26 filmes exibidos incluem diálogos em outros idiomas sem legendas em português
Filmes de: collectif_fact, Quynh Dong, Marianne Halter & Mario Marchisella, Susanne Hofer, Georgette Maag, Christoph Oertli, Doris Schmid

Sessão 2
Sem flash: homenagem a Ricardo Rangel (1924–2009), de Bruno Z’Graggen e Angelo Sansone

20 de julho, quinta, 20h, no Galpão VB
Duração: 56 min.
Idioma: português

Sessão 3
Status social e resistência

30 de agosto, quarta, 17h, na Biblioteca Mário de Andrade
Duração: 57 min.
Filmes de: Ayrson Heráclito e Danilo Barata, Maria Lucia Silva e Rita Moreira, Dan Halter, Beth Formaggini, Flávio Ferreira, Henri Gervaiseau, Solange Padilha, Aza Pinho e Jasmin Pinho

Sessão 4
Migração e território. Conversa com Mauricio Dias e Walter Riedweg
5 de setembro, terça, 20h, na Escola de Artes Visuais do Parque Lage
Duração: 68 min.
Filmes de: Bakary Diallo, Michael MacGarry, César Meneghetti e Elisabetta Pandimiglio, Dias & Riedweg

Sessão 5
Identidade e memória
30 de setembro, sábado, 15h, no Pivô (a confirmar)
Duração: 58 min.
Filmes de: Marcia Vaitsman, Eder Santos, LucFosther Diop, Marcondes Dourado, Mônica Simões