A artista russa fala sobre sua obra Across Lips, exposta no 20º Festival de Arte Contemporânea Sesc_Videobrasil O vídeo se dispõe a encontrar uma imagem capaz, se não de representar, de dar conta da complexidade do momento atual de globalização total e revolução digital utilizando a improvisação característica do jazz como metáfora. A artista afirma que “o que me interessa não é tanto a tradição artística, mas o mundo em si como matéria-prima.”