A produção artística de NO MARTINS (Brasil, 1987) transita pelas técnicas da pintura, performance, instalação e experimentação com objetos, partindo de pesquisas sobre as relações interpessoais no cotidiano, investigando questões como o racismo, a violência policial e o encarceramento em massa. Martins entrou na cena da street art paulistana em 2003, por meio da pichação e do grafite. Nos anos subsequentes, frequentou ateliês de gravura da Oficina Cultural Oswald de Andrade, em São Paulo. Cursou licenciatura em história e artes visuais, e participou de exposições no Brasil e na Austrália.

Com manchetes de jornal e estatísticas de violência contra a população negra estampadas sobre retratos em cores vibrantes, fortemente inspirados pela estética urbana, as pinturas da série #JÁBASTA! (2019) funcionam como denúncia e grito de alerta. A incrição #JáBasta, inspirada pelas grandes campanhas nas redes sociais, atenta para a violência policial contra jovens negras e negros nas periferias das grandes cidades brasileiras, assumindo uma posição de resistência.

Na 21ª Bienal de Arte Contemporânea Sesc_Videobrasil, o artista recebeu o prêmio Sesc de Arte Contemporânea.

Saiba mais: http://bienalsescvideobrasil.org.br


Tags