ERIN COATES (Austrália, 1977) é artista visual graduada pela Curtin University (Austrália), com mestrado na University of British Columbia (Canadá). Com uma pesquisa que explora as relações entre corpo e espaço, trabalha com vídeo, escultura, desenho, instalação e com a mescla dessas linguagens. Entre suas principais exposições estão individuais no Museu de Arte Contemporânea de Hiroshima, Japão (2018) e no Perth Institute of Contemporary Arts, Austrália (2014).

No vídeo DRIVING TO THE ENDS OF THE EARTH (2016), a artista e seu cão fazem uma longa viagem de carro. Ao volante, ela mastiga linguiças e verduras, rega as plantas do banco traseiro, conversa por mensagem de texto no celular e de vez em quando faz carinho no vira-lata que, sentado no banco do passageiro, observa com interesse os rituais de sobrevivência e entretenimento da humana. Ambos parecem ignorar a sucessão de cenários catastróficos que o chroma keynos mostra pelos vidros do carro. Com duas câmeras estáticas, que se alternam mostrando o rosto e a nuca desses dois personagens, e efeitos sonoros que elevam as mastigações e as coceiras ao mesmo volume dos incêndios e meteoros do lado de fora, o vídeo nos mostra essa viagem fictícia e cômica rumo a um fim de mundo imprevisível.


Tags