Artista visual e diretor de arte, trabalha com vídeo, desenho, publicações e instalação. Sua obra explora gêneros de representação artesanais e datados para criar narrativas que revertem expectativas. Expôs em Buenos Aires, Berlim, Toulouse, Barcelona, Cidade do México, Nova York, São Paulo e Lima. Foi premiado pelo vídeo Roger no 15º Festival de Arte Contemporânea Sesc_Videobrasil (2005) e com uma residência na FAAP, em São Paulo, por sua participação na 16ª edição do Festival (2007). Vive e trabalha em Buenos Aires.